Montreal Piscinas

Blog

Amplie o mix de produtos da sua loja de piscinas!

A loja de piscinas que deseja ter sustentabilidade deve ficar de olho em suas vendas o tempo todo. Isso porque o mix de produtos sofre muito com a sazonalidade.

Porém, elaborar um pacote de vendas não é tão simples quanto parece. Na verdade, é importante conhecer bem tanto o perfil de sua revenda quanto o comportamento de seus clientes ao longo do ano.

No post de hoje, falaremos um pouco sobre como criar um mix de produtos que funcione bem para a sua loja o ano inteiro. Que tal conferir?

Defina qual é o ponto forte da sua loja de piscinas para criar um bom mix de produtos

Mix de produtos é uma estratégia de vendas e marketing que uma empresa pode adotar. Em outras palavras, é o sortimento de itens e representa o conjunto de produtos e acessórios que a loja de piscinas põe para vender.

Uma vez que você implemente um sistema de monitoramento de suas vendas, deve observar o que tem maior saída. Cada loja de piscinas terá um carro-chefe: o produto que vende mais e representa a maior parcela do faturamento.

Dessa forma, veja quais são os seus carros-chefe e busque complementar esses produtos. Por exemplo, você pode chegar à conclusão de que o seu produto principal é o estabilizador de pH, que é utilizado para analisar a qualidade da água. Portanto, pode oferecer itens complementares a preços menores, tais como a barrilha, que é um regulador de pH.

Similarmente, observe o clima da região onde está localizada a sua loja de piscinas, uma vez que os problemas que surgirão dependem bastante das condições climáticas.

Nesse sentido, a formação de algas, por exemplo, ocorre mais em locais quentes e chuvosos. Se esse for o caso, então será necessário maior controle do pH da água.

Evite tentativa e erro

No caso de vendas sazonais, é especialmente importante evitar tentativa e erro por desinformação. É claro que todo o processo de vendas, por ser dinâmico, implica em um certo nível de risco. Afinal, não tem como saber se algo funcionará ou não se não for testado, não é mesmo?

No entanto, essas experimentações devem ser informadas, evitando adivinhações ou riscos desnecessários. Lembre-se de que a compra de produtos é sempre um custo para a loja de piscinas.

De modo semelhante, produto que não vende é prejuízo, pois, além de ocupar espaço no estoque, tem prazo de validade, o que pode diminuir o preço de venda. Ainda que a oferta de mais produtos seja uma forma de ampliar o nicho de mercado e faturamento, essa expansão deve ser muito bem pensada.

Em suma, tentativa e erro desinformados podem resultar na acumulação de produtos que não vendem em sua loja de piscinas. Para evitar isso, fique atento às tendências e ao que dizem os seus fregueses.

Preste atenção no que dizem os clientes da sua loja de piscinas

A função de uma empresa é servir aos clientes, independentemente do produto ou serviço que ela oferta. Por isso, crie mecanismos para manter o relacionamento com o seu freguês e ouvir as demandas dele.

Para isso, procure combinar várias ferramentas, de acordo com o perfil do seu cliente e da sua loja de piscinas. Uma das maneiras mais comuns para manter o contato constante é usar as redes sociais. Porém, nada substitui a boa e velha conversa pessoal e o boca a boca.

Portanto, fique atento ao que dizem os seus clientes nas diversas redes. Assim, além de verificar o nível de satisfação deles com os seus produtos e serviços, você poderá perceber novas oportunidades e tendências de mercado.

Procure inovar e trazer novidades

Atualmente, muito se fala em inovação. Mas este não é um conceito novo. Quem trabalha com vendas sabe muito bem que os clientes sempre querem coisas novas. Ainda que a sua empresa precise ter o básico, é fundamental buscar novidades.

Porém, nem toda a inovação é interessante! Por isso que deixamos esse item para o fim: ele deve levar em conta tudo o que mencionamos antes.

Inovar é buscar a complementação e o diferencial que assegurem a continuidade das vendas ao longo do tempo. Portanto, a inovação deve estar relacionada ao que os seus clientes precisam e aos recursos disponíveis.

Lembre-se de algumas lições importantes do marketing sobre mix de produtos. Em primeiro lugar, ele deve ter quatro qualidades:

  1. abrangência: diz respeito à quantidade de linhas diferentes de produtos que a loja oferece;
  2. extensão: se refere ao número total de itens que compõem o mix;
  3. profundidade: trata da quantidade de opções ofertadas nas diferentes linhas;
  4. consistência: se refere à proximidade da ligação entre as várias linhas de produto em relação ao uso final. Considera, também, as exigências de produção e os canais de distribuição, entre outros.

Esses fatores permitem a expansão dos negócios da empresa da seguinte forma:

  • acrescentando novas linhas de produtos para ampliar a abrangência do mix;

  • adicionando mais opções de cada produto para aprofundar o mix;

  • buscando maior consistência nas linhas de produtos ofertadas;

  • aumentando a extensão de cada linha de produtos do mix.

Independentemente da estratégia adotada, não se esqueça de que mexer no mix de produtos é um investimento. Assim, você deve analisar a viabilidade, o custo, o benefício, a rentabilidade e o prazo de retorno, entre outros fatores.

Concluindo, a ampliação do mix de produtos em sua loja de piscinas não deve ser feita de modo aleatório. Estude o perfil de consumo dos seus clientes e o padrão de vendas antes de inovar.

E aí, o que achou dessas dicas? Interessantes? Então, conheça mais sobre os nossos produtos no nosso site e acompanhe as nossas redes sociais: Facebook, YouTube e Instagram.