Montreal Piscinas

Blog

Piscina de vinil: saiba tudo sobre essa opção

Entre os diversos tipos de piscina que podem ser instaladas em sua casa, a piscina de vinil chama atenção por vantagens interessantes  que ela apresenta quando comparada aos modelos de alvenaria e fibra.

Da construção até a manutenção, essa pode ser a melhor opção para você. Portanto, saiba como é a piscina de vinil e quais são os benefícios dessa escolha!

Como é a piscina de vinil?

Vista de longe, a piscina de vinil pode ser confundida com uma de alvenaria ou fibra, pois tem uma aparência semelhante. A diferença é que a construção recebe um revestimento de vinil; isso confere impermeabilização sem a necessidade de aplicar produtos ou colocar azulejos.

Mas como é feita a piscina de vinil? Ela começa com uma estrutura de alvenaria, como a maioria das piscinas. A diferença está apenas no revestimento. E esse detalhe traz muitas vantagens e algumas desvantagens.

A popularidade da piscina de vinil vem crescendo no Brasil e no mundo por conta dos benefícios que ela pode trazer. Continue a leitura para saber quais são eles.

Quais são as vantagens da piscina de vinil?

Falamos que a popularidade da piscina de vinil está aumentando. Mas por quê? Quais são as vantagens que fazem com que ela seja a escolha do momento? Abaixo, reunimos alguns dos principais benefícios dessa opção.

Sem limites de tamanho

Modelos de fibra são pré-fabricados. Isso significa que eles têm tamanhos e formatos pré-definidos.

O vinil, por outro lado, é um revestimento maleável. Por isso, não importam as medidas nas quais você quer construir sua piscina. Fazer curvas e recortes variados também é completamente possível.

Isso faz ainda mais diferença quando se quer instalar a piscina em terrenos irregulares. As piscinas de fibra precisam de um espaço regular para serem encaixadas. Já as de vinil podem se adaptar a praticamente qualquer local.

Designs variados

A estética atraente é uma das principais vantagens dessa piscina: além de poder escolher tamanho e formato, é possível selecionar o desenho do vinil.

A opção mais popular é a imitação de pastilhas, mas desenhos geométricos e estampas também são possíveis. São dezenas de opções para escolher a que mais combina com o estilo da sua área de lazer.

Entrega mais simples e rápida

Uma piscina de alvenaria necessita de muito tempo para ser construída. Já uma piscina de fibra exige um grande veículo para transporte e algum espaço de circulação para ser movimentada.

Por sua vez, a piscina de vinil pode ser transportada com facilidade, sem demanda de espaço de circulação. Além disso, ela fica completamente pronta em 15 ou 20 dias, dependendo do tamanho.

Limpeza e manutenção simples

A piscina de vinil não fica com fissuras, o que diminui a formação de colônias de bactérias. A textura lisa do material também dificulta o acúmulo de sujeira. Por isso, a limpeza tende a ser muito mais simples.

O mesmo vale para a manutenção. Muitos problemas podem ser resolvidos com o kit de reparo oferecido pela empresa que vende o produto. Normalmente, são rasgos e vazamentos simples, que podem ser consertados em pouco tempo.

Piscina de vinil

Descarte facilitado

Quem se preocupa com sustentabilidade vai gostar da piscina de vinil. Ela não deixa resíduos em excesso durante a construção e todos os seus materiais são recicláveis.

Quais são as desvantagens da piscina de vinil?

É claro que, como todo material para piscina, o vinil traz algumas desvantagens. É importante conhecê-las porque, para muitas pessoas, elas serão determinantes para uma tomada de decisão. Confira abaixo os pontos fracos.

Mais frágil

O vinil é mais frágil do que cerâmica, pastilhas ou fibra. Por exemplo, um brinquedo para piscina mais rígido do seu filho pode rasgar o material.

As juntas e costuras do vinil também são frágeis se não seladas corretamente.

Segurança comprometida

O vinil se torna muito escorregadio caso a limpeza física da piscina não seja feita regularmente. Por isso, uma piscina inteiramente desse material pode comprometer a segurança de quem a utiliza. Certamente, é preciso redobrar os cuidados com crianças.

Menor durabilidade

Por ser frágil, o vinil tende a durar menos. Enquanto uma piscina de fibra raramente precisa ser trocada, esse material pode precisar ser substituído em uma década. No entanto, tudo depende da manutenção.

Quanto custa uma piscina de vinil?

Já que sua instalação é simples, a piscina de vinil é mais barata? Podemos dizer que seu custo-benefício é médio. O preço varia de acordo com a região e o tamanho do produto.

Comparada às piscinas de alvenaria e fibra, ela sai mais em conta quando consideramos o quadro geral, ou seja, os gastos com construção, instalação e manutenção.

Como construir uma piscina de vinil?

Tudo começa com a escavação do solo, de acordo com as medidas desejadas. Depois, é feita a fundação e os blocos estruturais ou a concretagem. Nessa etapa também são colocados adereços de iluminação. Então, é feito o reboco, que evita irregularidades no vinil.

Depois do reboco, é feita a impermeabilização e o revestimento do entorno. Com uma limpeza para retirar pedras e detritos, já pode ser feita a instalação do vinil. Por fim, é só encher a piscina com água e aproveitar tudo o que ela tem a oferecer!

Como tratar piscina de vinil?

Veja abaixo algumas dicas para tratar uma piscina de vinil e garantir maior durabilidade:

  • lembre-se que a água da piscina não é trocada, mas sim tratada regularmente;
  • siga as instruções de decantação e aspiração para manter a água limpa;
  • garanta a conservação com produtos químicos recomendados pelo fabricante;
  • utilize o kit de reparo de vinil oferecido em pequenos rasgos e outros danos;
  • considere a troca de todo o vinil, se o desgaste for muito grande.

A piscina de vinil tem suas particularidades e pode ser uma boa opção para a sua casa. Considere os prós e contras apresentados ao longo deste artigo para decidir se ela será sua escolha.

Quer saber mais sobre os diferentes tipos de piscina? Então, acompanhe as nossas redes sociais: Facebook, Instagram e YouTube.